09/05/2017

Fragmentos - Marcílio Filho


Título: Fragmentos                                                                            Editora: Autografia
Ano: 2017                                                                                               Compre aqui: Loja Autografia
Páginas: 100                                                                                          Skoob
Autor: Marcílio Filho
Exemplar cedido pela editora.

Sinopse: Trecho da crônica "Homenagem ao Trem de Ferro" ... Enfim, a viagem se completava não somente com o percurso pelos trilhos, mas, percebe-se agora, também através dos 5 sentidos: as sensações físicas de ansiedade, medo e excitação; os sabores e aromas das comidas diversas; os barulhos típicos de estações, trens e trilhos e as visões das cores e de novas paisagens...

Oiii gente, tudo bem?
Hoje é dia de trazer a resenha do livro que recebi em parceria com a Autografia Editora, confesso para vocês que estava bem contente, porque acabei escolhendo o livro como indicações do mês e agora o tenho em minhas mãos.

Fiquei feliz e encantada diante da beleza dessa obra, difícil mesmo é não se apaixonar.


A obra Fragmentos é dividida em três partes: memórias, cotidiano e invenções e versos dispersos, a cada parte pude me encantar e ver a beleza. Em memórias, encontramos textos que nos fazem refletir sobre o passado, são pequenos contos que o autor esclarece a falta de pequenos detalhes até mesmo da valorização do próximo, o dinheiro como faz diferença e como atualmente estamos tão evoluídos que as crianças não irão mais brincar na rua, apenas ficar dentro de casa, não saberão o verdadeiro sentido de algumas coisas, são contos de nos mostrar a verdade.

"Que espetáculo maravilhoso para um menino que então já era amante dos rios e das pontes." Pág. 25

Em outro momento encontramos Cotidiano e Invenções no qual nos traz assuntos sobre momentos que aconteceram, histórias que se desenvolveram em outros anos, são pouquíssimas páginas e cada conto também, no máximo seis páginas, é impossível não se apaixonar e se sentir presente na história, são momentos cruéis e até mesmo encantadores de se encontrarem na trama, com uma facilidade imensa de leitura e compreensão.



Já por outro lado temos a última parte “Versos dispersos” que são poemas e poesias curtinhas relatando alguns momentos, com certa ternura e doçura, essa foi uma das partes que mais me atraiu, como sabem, sou admiradora de poesias e sempre procuro ler livros assim, o enredo de cada poema está encantador, podemos sentir a sinceridade que o autor procurou passar e o seu amor por entrelinhas que pode ser sentido, basta ler com bastante atenção.

ACRÓSTICO CLICHÊ
Musas que inspiram os nossos sonhos;
Universais e ao mesmo tempo próximas;
Louras, morenas, negras, brancas...sempre lindas.
Heroínas, lutadoras, decididas, meigas e múltiplas.
Esposas, filhas, mães, irmãs carregam em si o amor.
Razão.
Emoção e
Sensibilidade." Pág. 95

Durante a leitura da obra, é possível perceber como é delicada, são contos de fatos reais que podiam ter acontecido, são sentimentos muitas vezes deixado de lado e esquecidos, Fragmentos é um livro de nos encantar e nos fazer refletir sobre certos momentos que estávamos a enfrentar, é nos fazer aventurarmos em um momento lindo e encantador e até mesmo certo histórico, impossível não se sentir completa ao ler algo assim.


Fragmentos foi uma outra surpresa que recebi da editora, não a conhecia e percebi a beleza que ele se encontra, os contos são encantadores e de fácil compreensão como já havia falado, a edição está muito bela, as folhas são grossas e amareladas com as letras em preto de tamanha ideal que não dificulta a leitura em nenhum momento.

A diagramação está linda também, a cada troca de parte é impossível não se sentir encantada com a beleza, vamos dizer que, cada detalhe foi cuidado e repensado na hora de ser feito. Confesso para vocês que adorei essa capa, nunca tive uma assim na minha estante.

Recomendo esse livro para quem gosta de contos cotidianos e poesias.


Sobre o autor:
Marcílio Filho, 58 anos, nascido em Ituaçu – BA. Reside em São Paulo desde os 15 anos. É casado e pai de duas filhas. Tem formação acadêmica de Tecnologia da Construção Civil e pós-graduação em Gestão Empresarial. Trabalha desde os 16 anos, sempre na área financeira, na qual ocupou diversos cargos. Atualmente está empregado na Caixa Econômica Federal. Gosta muito de esportes, principalmente futebol e tênis. A música, a Literatura e o Cinema são as formas de arte que mais aprecia.




Espero que tenham gostado dessa resenha e indicação e até a próxima.

22 comentários:

  1. Olá adorei o livro ele é lindo, com temática diferente da convencional o que me chamou atenção, adorei a resenha parabéns beijos!

    ResponderExcluir
  2. Pelas suas palavras, parece ser um trabalho repleto de sentimentos e delicadeza, que podem se tornar inspirações e boa companhia. Obrigada pela indicação.

    ResponderExcluir
  3. Interessante o formato dessa obra, acho que nunca li nada que tivesse essa estrutura, com um pouco de cada coisa. Achei a capa simples, mas bonita também.
    Beijos
    Mari
    www.pequenosretalhos.com

    ResponderExcluir
  4. Adoro ver autores nacionais no blog! Muito show! Vou anotar a dica para prestigiar o colega!

    Bjos

    ResponderExcluir
  5. Olá
    Eu confesso que não achei bem atrativo a obra não viu? A capa está um arraso mas irei deixar passar a suadica de hoje. Vi que o autor toca Sax, eu tmbm kkk amo música rsrs. Até mais ver
    Bjs

    ResponderExcluir
  6. Oii, tudo bem?
    Gosto muito de conhecer o trabalho de autores nacionais e mesmo o livro não sendo do gênero que costumo ler, achei a ideia do autor muito legal. Nunca li nada parecido e só o fato do livro ser dividido em memórias, cotidiano e invenções e versos dispersos já me deixa muito animada pra ler.
    Com certeza é uma obra que lerei *-*

    ResponderExcluir
  7. Olá
    Que livro interessante e diferente, por sua resenha o livro parece bem delicado mesmo expondo a realidade, fique curiosa.

    ResponderExcluir
  8. Oi, Morgs! Essa capa está realmente linda, fiquei bastante curiosa com o conteúdo desse livro que parece ser tão rico, de modo simples e envolvente. Adorei a sua resenha e estou louca para conferir essa obra um dia, principalmente a parte das poesias haha. Bjss!

    ResponderExcluir
  9. Olá Morgs!
    Adorei a sua dica, que obra belíssima!
    Faz tanto tempo que não leio poesias que se olhasse essa capa jamais imaginaria a grandeza e a profundidade dessa obra. Amei o colorido e todo o mosaico!
    E o melhor né, autor nacional, cada vez mais nos trazendo verdadeiras maravilhas!
    Vou anotar essa dica, quem sabe consiga ler em breve!
    Beijos!

    Camila de Moraes.

    ResponderExcluir
  10. Oi, MOrgs
    Esse livro parece ser ótimo, estou conhecendo ele hoje. Sua empolgação me deixou curiosa.
    Gosto de contos ou poesias, ainda mais com mensagens reflexivas. Acho que iria gostar.

    Blog Livros, vamos devorá-los

    ResponderExcluir
  11. Olá,

    Não tinha conhecimento desse livro, a capa dele me lembra muito livros interativos e até pensei que realmente fosse, mas vi que estava errada hahaha. Eu não sou fã de contos, é muito raro eu ler esse tipo de texto, mas você falou tão bem da obra que fiquei um pouco curiosa.

    ResponderExcluir
  12. Olá lindona,

    Eu adorei esse conjunto de contos sobre a mudança de hábitos com as gerações e como muitas coisas estão se perdendo como fossem besteiras e não como essenciais para o nosso convívio e tudo mais.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  13. Adoro suas resenhas, os livros que você lê tem uma profundidade incrível. Fragmentos é uma obra bem pessoal do autor pelo que pude perceber, sem falar que a leitura deve ser maravilhosa.
    Beijinhos, Helana ♥
    In The Sky, Blog / Facebook In The Sky

    ResponderExcluir
  14. olá, esse parece ser daqueles livros para se ter na cabeceira, para de vez em quando ler um trechinho, gostei de saber que ele é bem diversificado, tem um pouco de cada coisa. E essa capa ficou muito linda! Vou procurar por ele. Adorei a dica. Bjs

    ResponderExcluir
  15. Oii, tudo bem?
    Gosto muito de conhecer o trabalho de autores nacionais e mesmo o livro não sendo do gênero que costumo ler, achei a ideia do autor muito legal. Nunca li nada parecido e só o fato do livro ser dividido em memórias, cotidiano e invenções e versos dispersos já me deixa muito animada pra ler.
    Com certeza é uma obra que lerei *-*

    ResponderExcluir
  16. Oie!
    Eu não conhecia esse livro, mas achei a indicação bem interessante.
    Eu não gosto muito de contos, mas mesmo assim, vou anotar essa dica para conferir futuramente.
    Bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  17. Oii Morgs, tudo bem? Também não conhecia o livro, é a primeira resenha que leio sobre ele! Parece ser um livro bem delicado, com contos realmente envolventes, então anotei sua dica :D Ótima resenha!!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  18. Oi Morgs, tudo bem?
    Confesso que é muito difícil um livro de contos e poesias me atrair, porém, sua resenha conseguiu despertar minha curiosidade. Eu ainda não conhecia esse livro, mas me pareceu uma leitura tão sensível e delicada que fiquei com muita vontade de ler. Ainda tem essa capa totalmente diferente, que ajudou ainda mais a minha curiosidade.
    Adorei sua resenha e a dica já está anotada.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  19. Adorei a capa e a temática do livro! Não conhecia nem o autor nem a obra e fiquei mesmo curiosa para conhecer!
    Beijos

    ResponderExcluir
  20. a capa está realmente encantadora...nunca tinha ouvido falar do autor, legal saber que ele é nordestino...
    me parece um livro tocante, se um dia tiver chance de ler, espero apreciar suas belas palavras...
    bj, Morgs...

    ResponderExcluir
  21. Poesia é vida né Morgs! ( amooo)
    Parece mesmo ser um livro encantador e envolvente já que não foca apenas um tema.
    Lerei com certeza!
    Bjs

    ResponderExcluir
  22. Oi!
    Apesar de me encantar com a parte gráfica da obra confesso que o conteúdo não me atraiu muito, pois é um gênero que raramente desperta a minha atenção e em consequência eu raramente o leio, mas vou levar sua indicação como uma dica de presente pra amigos que gostam, pois apesar de não me interessar o livro parece ser um trabalho muito bem feito.
    Beijos!

    ResponderExcluir

Segredos Literários | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS © 2016 | POR:
COMPRE AQUI O LAYOUT QUE SEU BLOG MERECEBILLION DOLLAR LAYOUTS